domingo, 21 de março de 2010

Uma homenagem aos 50 anos de Ayrton Senna

Falar de um ídolo como é o caso de Ayrton Senna, não é tarefa das mais fáceis. Que ele era um piloto quase perfeito, obcecado pela vitória, determinado, dedicado, tudo isso já se sabe. Portanto, qualquer palavra dita sobre ele, pode soar repetida.


Acompanhei poucas corridas de Senna, e as que acompanhei, nem entendia direito sobre Fórmula-1. Depois que ele faleceu, na curva Tamburello, em 1994, aí então que meu interesse por corridas diminuiu. Voltou alguns anos depois, sendo hoje, uma de minhas paixões como cronista esportivo.


Com mais idade, pesquisei a carreira de Ayrton melhor. E descobri inúmeras corridas emocionantes as quais venceu. Mas uma em especial, chamou-me muito a atenção. Foi no GP da Europa de 1993, em Donington Park, na Inglaterra.


Debaixo de muita chuva, Senna largou em quarto. Chegou a cair para quinto, mas, a cada curva foi recuperando suas posições. Passou por Michael Schumacher, Karl Wendlinger, Damon Hill e Alain Prost. Assumiu a liderança ainda na primeira volta. A primeira volta mais fantástica da história da Fórmula 1. E conquistou a vitória com quase uma volta de vantagem sobre o segundo colocado.


Essa, portanto, é minha homenagem a quem completaria hoje, 21 de março de 2010, 50 anos de idade. O vídeo da volta perfeita, protagonizada por Ayrton Senna.


2 comentários:

  1. O Ayrton Senna sempre será o orgulho do Brasil. Ele faz muita falta.

    Beijos

    ResponderExcluir